Brasil se candidata para sediar Copa do Mundo Feminina de 2023

19/03/2019

Esporte | Futebol



Brasil se candidata para sediar Copa do Mundo

Feminina de 2023



Foto: Reprodução CBF - divulgação

A FIFA divulgou a inscrição de 9 países para o processo de licitação da Copa do Mundo Feminina de 2023. O número de países interessados em sediar o campeonato é o maior já registrado pela Federação Internacional de Futebol. Dentre os países estão: Argentina, Austrália, Bolívia, Brasil, Colômbia, Japão, Coreia, Nova Zelândia, África do Sul.


Os representantes de cada país terão a oportunidade de participar de um workshop de informações de candidatura e um programa de observadores em junho durante a Copa do Mundo Feminina, que será realizada na França.


A Federação ainda enviará os documentos necessários de licitação e hospedagem, e as associações membros terão até o dia 4 de outubro de 2019 para enviar suas respectivas propostas para receber o evento esportivo.


A Copa do Mundo de Futebol Feminina é realizada desde 1991, já foi sediada em 7 países, além da França, que receberá o evento em junho deste ano. Veja ao lado a tabela com os países que já sediaram o evento e as seleções campeãs das 7 edições do torneio.

© 2020 - Vitor Catanho

Todos os direitos reservados

  • https://www.youtube.com/channel/UCZz
  • Black LinkedIn Icon